Polícia Civil apreende a maior arma já encontrada no RJ

Arma, uma metralhadora Browning .50, estava sendo negociado por traficantes por R$ 200 mil. Duas pessoas foram presas na Barra da Tijuca.
Compartilhe:
Metralhadora possui 1,68 metro de comprimento e pesa 38 quilos — Foto: Divulgação/ Polícia Civil
Policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC) apreenderam nesta quarta-feira (19), na Barra da Tijuca, uma metralhadora Browning ponto 50.

Essa é a maior arma já apreendida no Estado do Rio e estava sendo negociada por traficantes por R$ 200 mil. Duas pessoas foram presas no local: Thiago da Silva Lopes e Pablo Carvalho da Silva.

A arma, uma metralhadora antiaérea do Exército americano, mede 1,68 metro de comprimento e pesa 38 quilos. Tem a capacidade de disparar de 400 a 600 tiros por minuto.

"Nos últimos três dias, estávamos só em cima disso. E ontem conseguimos prender os dois”, afirmou o delegado Delmir Gouvêa, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas.

Dois carros que faziam a escolta da metralhadora fugiram, assim como o receptor.

Segundo a polícia, a arma estava "acautelada" na Rocinha antes de ser apreendida na Barra da Tijuca. Ainda de acordo com os investigadores, a metralhadora seria levada para fora do estado mas pararia antes nos morros da Fallet e do Fogueteiro, na região central da cidade.

A arma será periciada no Instituto de Criminalística Carlos Éboli e pode ser incorporada ao Exército.

“O dia que ela entrou na Rocinha, e como entrou, faz parte da investigação, e ela continua”, explicou o delegado.
Compartilhe:

Geral